ÚLTIMAS

REGIÃO | Turismo nos Açores está na melhor fase de sempre, sublinha Berta Cabral

© Governo dos Açores
378views

A Secretária Regional do Turismo, Mobilidade e Infraestruturas, Berta Cabral, destaca o momento extremamente positivo que a atividade turística está a atravessar em todas as ilhas dos Açores e o trabalho invejável de reestruturação e consolidação do setor que está a ser levado a cabo pelo atual Governo, lamentando o profundo estado de negação e desresponsabilização do PS.

“A Região Autónoma dos Açores foi a mais rápida a nível nacional a recuperar da pandemia e tem sido apontada como um caso de estudo e de sucesso inigualável nesse processo”, sublinha a governante.

“Em 2022, mesmo com quatro meses ainda afetados gravemente pela pandemia, ultrapassamos o número de dormidas, o número de hóspedes e o valor gerado pelo setor que foi registado em 2019, com a particular felicidade de termos crescido mais de 20% nos proveitos”, prossegue Berta Cabral.

A Secretária Regional entende que “este é um claro indicador de que o setor está num trilho de sucesso, a criar mais valor para a economia e, com isso, a potenciar melhor qualidade de vida nas ilhas” açorianas.

“Estamos a crescer mais em valor e em qualidade do que em quantidade e esse é o desígnio fundamental do nosso trabalho”, prosseguiu.

A Secretaria Regional do Turismo, Mobilidade e Infraestruturas enaltece, ainda, que por trás destes números e resultados está um apuradíssimo trabalho de estruturação da oferta, consolidação do destino e promoção externa.

“Foi definido um rumo muito claro com o Programa de Governo e com as Orientações de Médio Prazo, que nos levaram a desenhar uma nova estratégia para o turismo na Região, a qual tem sido amplamente louvada e reconhecida por variadíssimos agentes do setor e instituições nacionais e internacionais”, assinala.

“O novo Plano Estratégico e de Marketing do Turismo dos Açores (PEMTA) é uma lufada de ar fresco, vem corrigir muitas limitações e incoerências que existiam anteriormente”, referiu ainda.

Para Berta Cabral, as anteriores governações socialistas nunca perceberam o setor do turismo e a importância que tem e pode vir a ter para os Açores.

“Em 2020, quando este Governo tomou posse, o PEMTA já estava caducado e perfeitamente desajustado da realidade; o POTRAA estava suspenso parcialmente há uma década, com documentos na gaveta; a ATA estava numa posição extremamente frágil”, afirma Berta Cabral.

“Estamos a recuperar e a retificar cada um desses dossiers e, ao mesmo tempo, estamos a conseguir mitigar, passo a passo, a sazonalidade e a atrair turismo e atividade económica para cada uma das nove ilhas. Isso é um sucesso absoluto, com o qual o Partido Socialista não consegue conviver e que denota bem quais as prioridades que tem, onde o progresso dos Açores não tem lugar”, disse ainda.

“Estamos a trabalhar de forma abnegada para ter turismo todo o ano em todas as ilhas e não é perante os melhores resultados de sempre que vamos parar”, explica Berta Cabral, para quem “com uma nova estratégia para o setor e com um alinhamento adequado entre a oferta, a procura e a promoção externa”, será potenciado o desenvolvimento económico “em todo o território dos Açores”.

GRA/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o Diretor de Programação da Rádio Ilhéu, sediada na Ilha de São Jorge. É também autor da rubrica 'Cronicas da Ilha e de Um Ilhéu' que é emitida em rádios locais, regionais e da diáspora desde 2015.