ÚLTIMAS

REGIÃO | Investimento no Parque de Ciência e Tecnologia de São Miguel é oportunidade de captação de talentos nas tecnologias de informação, destaca José Manuel Bolieiro

| Foto: MM
403views

O Presidente do Governo Regional dos Açores, José Manuel Bolieiro, acompanhado do Vice-Presidente do Governo Regional dos Açores, Artur Lima, inaugurou hoje o Centro Empresarial de Tecnologias de Informação e Comunicação, na ilha de São Miguel, no concelho da Lagoa.

O segundo edifício do Parque de Ciência e Tecnologia de São Miguel (NONAGON) inicia as suas atividades com 15 empresas e mais de 200 colaboradores, posicionando-se como um importante catalisador para o setor das tecnologias de informação e comunicação dos Açores.

O Presidente do Governo deixou uma palavra de incentivo a todos aqueles que terão neste centro empresarial “uma oportunidade de crescimento, de valorização e de dinamização”, potenciando os Açores, enquanto Região com o seu posicionamento geoestratégico próprio, “para a captação de talentos para as tecnologias de informação e comunicação, na ciência, na inovação, no desenvolvimento e na transição digital”.

O Centro Empresarial visa agrupar múltiplas infraestruturas tecnológicas num único local, atraindo empresas tanto pelas oportunidades de negócios geradas como pelo interesse em inovação e sinergias através da complementaridade.

O espaço inclui elementos inovadores, como um FabLab, computação de alto desempenho e uma sala de visualização de dados, que se espera que suscite interesse de entidades externas ao Parque de Ciência e Tecnologia, fomentando novas oportunidades de fixação de empresas e projetos na Região, além de promover a internacionalização do Sistema Científico e Tecnológico dos Açores.

“Não temos na ciência e no digital o constrangimento ultraperiférico. Nós temos uma oportunidade de estar no meio do planeta”, afirmou José Manuel Bolieiro.

E acrescentou: “esta é uma oportunidade de termos capacidade logística instalada para manter e atrair talentos, nas áreas da ciência, da tecnologia e da inovação”.

O Programa do XIV Governo dos Açores destaca a importância da ciência e tecnologia no desenvolvimento socioeconómico da região, com uma forte orientação para a inovação.

O Programa reconhece também o potencial da Inteligência Artificial, onde o Governo propõe-se a aumentar o investimento nas áreas de ciência e tecnologia.

Desenvolver programas para capacitar comunidades, promovendo inclusão digital e impulsionando oportunidades económicas e sociais; facilitar o acesso a recursos financeiros, mentoria e infraestruturas para empreendedores inovadores nos parques de ciência dos Açores; fortalecer parcerias internacionais para promover a troca de conhecimento; estimular a investigação aplicada como estratégia fundamental para o desenvolvimento, rendimento e avanço científico; reforçar o sistema científico e tecnológico dos Açores, apoiando centros de investigação no seu funcionamento, recursos humanos e reequipamento científico; apoiar o Fundo Regional para a Ciência e Tecnologia na atribuição de bolsas de investigação, participação em estudos e projetos científicos e programas de interesse internacional são outras das medidas desenhadas.

Para além disso, o Governo dos Açores quer aprofundar projetos e estruturas em curso, como o Parque de Ciência e Tecnologia da Ilha Terceira – TERINOV e o Centro Empresarial de Tecnologias da Informação e Comunicação no Parque de Ciência e Tecnologia da Ilha de São Miguel – NONAGON, e apoiar os parques de ciência e tecnologia, aumentando a capacidade de atração e retenção dos ecossistemas associados e potenciando o desenvolvimento de projetos de investigação e a consequente valorização do capital humano.

A inauguração do Centro Empresarial de Tecnologias de Informação e Comunicação marca um passo significativo no compromisso contínuo do Governo Regional dos Açores em promover a inovação, a investigação e o desenvolvimento sustentável, beneficiando a economia e a sociedade açoriana.

GRA/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o Diretor de Programação da Rádio Ilhéu, sediada na Ilha de São Jorge. É também autor da rubrica 'Cronicas da Ilha e de Um Ilhéu' que é emitida em rádios locais, regionais e da diáspora desde 2015.