AGENDA

PICO | Agenda. De “Rabo de Peixe” ao ponto mais alto de Portugal, Romeu Bairos abre Festival Cordas

862views

O cantautor açoriano, Romeu Bairos, volta ao Festival Cordas na ilha do Pico. A oitava edição, a ser planeada para 1 a 8 de outubro de 2023, abre com o evento especial no topo da montanha mais alta de Portugal. O jovem pretende apresentar nova música, com a Viola da Terra, e convida o público a se juntar na caminhada.

Romeu Bairos encarna uma das mais faladas personagens na série da Netflix, Rabo de Peixe, trazendo de volta a música imortalizada por Sandro G, “Eu não vou chorar”. Nascido na freguesia de São José, em Ponta Delgada, desde tenra idade, que o talento de Romeu Bairos para a música se tornou evidente, tendo ingressado na Academia de Música da Ribeira Grande, onde estudou piano desde os 4 anos. Venceu a Gala Regional dos Pequenos Cantores Caravela d’Ouro, e, representou os Açores no Festival Internacional dos Pequenos Cantores da Figueira da Foz e no ano seguinte seguinte na Madeira. No Conservatório Regional de Ponta Delgada estudou clarinete, enquanto participava em diversas filarmónicas da ilha de São Miguel. Em 2014, Romeu Bairos ingressou no Hot Clube de Portugal. Da sua carreira musical, destaca-se o seu primeiro EP, Cavalo Dado, várias participações em programas televisivos, e o projecto Contos e Canções, com Sara Cruz e Cristóvam, tendo realizado uma tour pelo Arquipélago dos Açores. Em 2021, compôs e interpretou o tema “Saudade”, no Festival RTP da Canção, tendo sido um dos finalistas. Em 2022, cria o projeto FOLKJADA, com antigos colegas do Conservatório Regional de Ponta Delgada e faz parte do elenco da série de Augusto Fraga, “Rabo de Peixe”.

“É um prazer ter de volta ao Cordas o nosso Romeu Bairos,” admite Terry Costa, o diretor artístico da MiratecArts e fundador do Festival Cordas. “O Romeu participou em 2021 no programa de Juventude Açoriana com Cordas e agora recebe o devido destaque para o evento de abertura, o qual temos vindo a planear nos últimos meses.” Quanto a mais programação para esta edição, Terry Costa avança que o projeto português “O Gajo” e a finlandesa Maija Kauhanen estão no plano, mas não consegue avançar muito mais nesta altura. “Aguardamos resposta às candidaturas, especialmente o programa RJACC, o qual ainda não sabemos que tipo de investimento vamos ter da Direção Regional dos Assuntos Culturais, Governo dos Açores.” O Festival Cordas é o projeto cultural artístico regional mais galardoado internacionalmente, e o documentário sobre o próprio festival também já tem mais de duas dúzias de prémios em seu nome.

MIRATECARTS/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o Diretor de Programação da Rádio Ilhéu, sediada na Ilha de São Jorge. É também autor da rubrica 'Cronicas da Ilha e de Um Ilhéu' que é emitida em rádios locais, regionais e da diáspora desde 2015.