ÚLTIMAS

ATUALIDADE | Graciosa com mais um ponto de carregamento para viaturas elétricas

© Governo dos Açores
285views

A ilha Graciosa vai contar com mais um ponto de carregamento para viaturas elétricas, na sequência de um protocolo assinado entre a Secretaria Regional do Turismo, Mobilidade e Infraestruturas, através da Direção Regional da Energia, e a Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa.

O contrato agora assinado visa a cedência de bens móveis para a atribuição de ponto de carregamento normal para a Rede de Mobilidade Elétrica dos Açores e surge no âmbito do Plano para a Mobilidade Elétrica nos Açores (PMEA), designadamente a Medida 6, cujo o objetivo é a implementação da rede pública de carregamento de veículos elétricos, e a Medida 20, que prevê a disponibilização, por parte do Governo dos Açores, de pontos de carregamento para instalação em locais de estacionamento de acesso público, em edifícios e infraestruturas públicas.

Com a assinatura do referido documento, a Secretaria Regional do Turismo, Mobilidade e Infraestruturas entrega à Câmara Municipal de Santa Cruz, um ponto de carregamento de veículos elétricos, no âmbito do projeto LIFE IP CLIMAZ (LIFE19 IPC/PT/000004 – LIFE IP CLIMAZ), cofinanciado pelo programa LIFE, que ficará instalado no edifício dos Paços do Concelho e ligado à rede da Entidade Gestora da Rede de Mobilidade Elétrica – EGME (MOBI.E).

“O Governo dos Açores dá mais um passo em direção à tão importante transição energética que se pretende para as nossas ilhas”, sublinha Berta Cabral, Secretária com a tutela da energia.

A governante reafirmou que “o desafio da transição energética não pode ser negligenciado por ninguém, sob pena de graves consequências para o desenvolvimento socioeconómico e para as alterações climáticas”.

Para a governante, torna-se cada vez mais urgente reduzir a dependência energética dos Açores face ao exterior, aumentar a eficiência do aproveitamento dos recursos naturais que a Região dispõe e adotar mais energia limpa com redução da utilização de combustíveis fósseis, contribuindo para a descarbonização ambiental.

“Temos de ajustar práticas e comportamentos de consumo, eliminando o desperdício e tomando decisões de investimento mais informadas e racionais, seja na compra de casa, de viaturas ou de eletrodomésticos, por exemplo. Assim, conseguimos garantir segurança no abastecimento às populações e às empresas, a redução dos custos da energia e a redução da emissão de gases com efeito de estufa”, realçou.

Berta Cabral reforçou a ideia de que a Graciosa é um exemplo a seguir, sendo a “ilha modelo” e aquela que tem maior percentagem de utilização de fontes renováveis na produção de eletricidade.

Como nesta ilha é evidente a viabilidade de projetos privados inovadores, como a Graciólica, que alia a energia solar, a energia eólica e um sistema de armazenamento, a governante é perentória: “na Graciosa estamos, de facto, a investir para o futuro, alocando convictamente meios para superar esse grande desafio da aposta estrutural na mobilidade elétrica suave”.

Para a Secretária Regional, “os Açores têm dado passos seguros nesta matéria, com uma assertividade que importa manter”.

Atualmente a região conta com 47 pontos de carregamento de acesso público para veículos elétricos, abrangendo todos os concelhos de Açores, o que corresponde a 108 tomadas de carregamento ligadas à MOBI.E.

No âmbito do projeto LIFE IP CLIMAZ, serão implementados mais 40 pontos de carregamento, dotando a rede regional de um total 87 pontos de carregamento para veículos elétricos.

GRA/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o Diretor de Programação da Rádio Ilhéu, sediada na Ilha de São Jorge. É também autor da rubrica 'Cronicas da Ilha e de Um Ilhéu' que é emitida em rádios locais, regionais e da diáspora desde 2015.