ÚLTIMAS

FLORES | PS exige que Governo pare de passar culpas, ponha mãos à obra e pare de desprezar e desrespeitar os problemas do abastecimento à ilha

311views

O Partido Socialista das Flores lamenta a profunda falta de sensibilidade e indiferença que o Governo dos Açores demonstra pelas dificuldades sentidas nos últimos meses no abastecimento marítimo à ilha das Flores.

O Porto das Lajes das Flores tem desde o furacão Lorenzo condições muito frágeis e precárias de operação, que se agravaram nos últimos meses com a entrada em operação de navios de maior dimensão (e maiores dificuldades de manobra no porto), bem como com a destruição de uma parte do que restava do antigo molhe pela tempestade Efrain.

Os florentinos alertam para a urgência de avançar com a reconstrução do molhe principal de proteção, uma vez que o que resta do atual está em grande risco de desaparecer e até de obstruir a baía, colocando mesmo em causa o futuro abastecimento à ilha.

Os florentinos têm sentido nos últimos meses grandes constrangimentos no abastecimento, com ruturas frequentes de um conjunto de mercadorias, que afetam não só os consumidores, como toda a economia da ilha, abrangendo setores como a agricultura, o comércio, a construção civil e outros. Ruturas essas que têm um enorme impacto na frágil e difícil economia da ilha.

É absolutamente inacreditável que o Sr. Presidente do Governo venha atribuir os enormes constrangimentos atuais a “S. Pedro” ou ao “Adamastor”.

Mas, mais inacreditável ainda, é que um Diretor Regional que tutela a área dos transportes venha para as redes sociais insultar os florentinos, mandando os florentinos trabalhar e cultivar os produtos que precisam, para não se queixarem dos problemas de abastecimento à ilha das Flores.

Queremos saber se o Presidente do Governo concorda com as afirmações do Diretor Regional da Mobilidade, feitas nas redes sociais e apoiadas por vários dirigentes governativos e do Partido Social Democrata?

Repudiamos totalmente este desrespeito e desprezo por todos os que vivem e trabalham na ilha das Flores.

Os atuais problemas de abastecimento devem-se, isso sim, à total inércia e indiferença do Governo em relação ao Porto das Lajes das Flores.

As únicas empreitadas a decorrer ou realizadas no Porto das Lajes – a Ponte Cais, a Proteção de Emergência, o edifício oficinas, garagens e escritórios de apoio), foram lançadas pelo Governo do Partido Socialista.

Vão fazer 4 anos em outubro da passagem do furacão Lorenzo, e o atual Governo de coligação ainda nem o projeto de reconstrução do Porto tem concluído, demonstrando não apenas desprezo e indiferença pelos florentinos, mas uma total incapacidade em resolver um problema que é absolutamente central para o futuro e sobrevivência da ilha das Flores.

Chega de passar culpas para disfarçar incapacidades. Em poucos meses, o Governo do Partido Socialista lançou e avançou com obras bem visíveis e importantes no Porto das Lajes. Do atual Governo só temos visto palavras, passa culpas e incapacidade para avançar com este investimento.

PS/FLORES/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o Diretor de Programação da Rádio Ilhéu, sediada na Ilha de São Jorge. É também autor da rubrica 'Cronicas da Ilha e de Um Ilhéu' que é emitida em rádios locais, regionais e da diáspora desde 2015.