ÚLTIMAS

ATUALIDADE | Governo dos Açores pretende tornar “Novos Idosos” num projeto regional

© Governo dos Açores | Fotos: VPGR
435views

O Vice-Presidente do Governo Regional dos Açores, Artur Lima, assumiu hoje, na Praia da Vitória, que a “intenção” do Governo é “alargar o programa “Novos Idosos” a todos os concelhos dos Açores”, tendo submetido a essa proposta no âmbito da reformulação do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

E justificou: “temos tido bons feedbacks de gente que estava acamada e hoje já se levanta e de gente que estava com dificuldades cognitivas e hoje já fala”.

“Entendemos fazer a proposta de alargar [o programa “Novos Idosos”] para passar de projeto-piloto concelhio para projeto-piloto regional”, assinalou.

“Espero que o PRR considere esta experiência inovadora e permita que possamos, nos Açores, ter um projeto-piloto regional de resposta de bem-estar aos novos idosos”, prosseguiu.

Artur Lima falava esta manhã no final de uma visita à idosa Maria de Lourdes Laranjeira integrada no programa “Novos Idosos”, na freguesia das Lajes, no concelho da Praia da Vitória.

O governante manifestou a sua “satisfação” pelo sucesso que o programa tem tido junto dos respetivos beneficiários e das suas famílias.

Aludindo ao caso da idosa visitada, Artur Lima realçou que o programa “trouxe felicidade à senhora”, permitindo a sua “autonomia” e uma resposta efetiva de cuidados.

“A senhora agora tem uma cuidadora e tem acompanhamento técnico”, lembrando as “melhorias e progressos extraordinários na sua saúde e no seu bem-estar”.

Na ocasião Artur Lima, avançou que, respeitante à primeira fase dos “Novos Idosos”, na Praia da Vitória e Ponta Delgada, já se encontram integrados no programa 94 idosos, estando 2 a aguardar o processo de instrução documental e 4 a aguardar a conclusão do processo de estatuto do maior acompanhado.

O Vice-Presidente do Governo sublinhou ainda que este programa tem permitido a criação de emprego e a fixação de pessoas nas suas freguesias.

“Criámos 86 postos de trabalho, o que é significativo. São 86 cuidados domiciliários e 7 técnicos especializados que integram as Equipas Técnicas Locais” no Lar D. Pedro V e no Lar Luís Soares de Sousa, salientou.

Em face dos sucessos alcançados, Artur Lima lembrou que o Governo Regional, durante o ano de 2023, vai alargar o programa à Lagoa, Vila Franca do Campo e Horta, estando disponíveis 150 vagas.

“A adesão foi muito expressiva, tendo-se recolhido um total de 327 candidaturas nestes concelhos”, vincou.

Segue-se, segundo o responsável pela área da solidariedade social, um processo “demorado” de apreciação das candidaturas, visitas domiciliárias e definição de planos de cuidados.

GRA/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o Diretor de Programação da Rádio Ilhéu, sediada na Ilha de São Jorge. É também autor da rubrica 'Cronicas da Ilha e de Um Ilhéu' que é emitida em rádios locais, regionais e da diáspora desde 2015.