REGIONAL

AÇORES | António Ventura lança plano de formação e intercâmbios de produção biológica

| Foto: SRADR |
98views

O Secretário Regional da Agricultura e do Desenvolvimento Rural, António Ventura, vai avançar com um plano de formação e intercâmbios com outras regiões de conversão da agropecuária para produção biológica destinada aos agricultores Açorianos, no âmbito da ação GeoBio Ocidental, lançada em 2021.

“Consideramos que esta conversão, que na prática está muito próxima de existir, faltando a formalidade, trará aos produtos agroalimentares primários um novo valor de naturalidade que acrescenta posicionamento no mercado, tendo em conta as novas sensibilidades dos consumidores, resultantes da pandemia que atravessamos”, defende António Ventura.

Nesse sentido, o Secretário Regional adiantou que vai iniciar reuniões com os representantes dos agricultores, avançando que está a preparar um plano de formação e a criação de intercâmbios com outras regiões, onde esteja instalada a agricultura biológica nas suas diversas vertentes produtivas.

“Os alimentos saudáveis, os mais básicos e ligados ao bem-estar animal, ganharam uma prioridade na preferência alimentar dos consumidores”, frisou o governante, acrescentando que esta consciência atual dos consumidores tem de projetar a Região para a “vanguarda dos próximos tempos”.

Assim, os Açores devem atuar atempadamente na oferta agroalimentar com “mais natureza, mais bem-estar animal e mais sabores básicos”, destacou ainda.

“As políticas públicas para a produção de agroalimentos no arquipélago têm de “ter esta visão, aliás, só podemos afirmar uma estratégia se tivermos a capacidade de ir à frente na inovação”, assegurou.

António Ventura concretizou que a “as tendências alimentares nunca podem ser desassociadas do planeamento nas políticas para a Agricultura” e que a “origem dos alimentos requer uma maior atenção política na formulação do desenvolvimento social e económico”, devido à pandemia.

A iniciativa GeoBio Ocidental, que está inscrita no Plano e Orçamento para 2021, é uma iniciativa da Secretaria Regional da Agricultura e do Desenvolvimento Rural para o incentivo à conversão da agropecuária das ilhas das Flores e do Corvo para o modo de Produção Biológico.

Com esse propósito, a Secretaria Regional dinamizou, entre os passados dias 10 a 13 de dezembro, na ilha Terceira, um intercâmbio de produtores hortofrutícolas das Flores e Corvo, de técnicos do Serviço de Desenvolvimento Agrário das Flores e o dirigente dos Serviços de Desenvolvimento Agrário do Corvo.

Este evento foi também alargado à participação de produtores das ilhas do Faial e de São Jorge e de elementos da Direção da Trybio – Associação de Produtores e Consumidores de Agricultura Biológica, bem como do técnico do Serviço de Desenvolvimento Agrário do Faial.

O plano de formação é uma organização conjunta com a Trybio – Associação de Produtores e Consumidores de Agricultura Biológica e a Federação Agrícola dos Açores.

GA/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o editor da Rádio Ilhéu.