XTB

XTB | Destaques da manhã nos mercados, 26 de Janeiro de 2024

FOTO | Henrique Tomé, analista da XTB;
257views

Os índices da região Ásia-Pacífico estão a recuar ligeiramente. O Nikkei 225 japonês desvaloriza 1,35%, o S&P ASX 200 australiano recua 0,20% e o Kospi ganha 0,50%. Os mercados bolsistas da China voltaram a recuar, entre 1,70-2,10%.

Na Europa, os principais índices estão a recuar ligeiramente.

Petróleo continua a valorizar

Os preços do petróleo continuam a valorizar e poderão registar a melhor semana desde Outubro de 2023. A incerteza em torno da situação no Mar Vermelho continua e os dados mais recentes sobre os inventários de petróleo têm mostrado uma forte diminuição dos inventários que estão a apoiar o sentimento de alta nos preços esta semana.

No entanto, o  Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, chegou a um acordo com a oposição política sobre as eleições que se realizarão no final do ano. Este acordo levou os Estados Unidos a aliviar temporariamente as sanções petrolíferas impostas à Venezuela.

Medidor de inflação preferido da Reserva Federal será conhecido hoje

O índice de despesas de consumo pessoal (PCE) é o indicador preferido da Reserva Federal para medir a inflação. Os dados do indicador serão divulgados esta sexta-feira, às 13h30.

Os dados devem confirmar uma continuação do movimento de baixa da inflação em direção à meta dos 2,0%. Em termos homólogos espera-se que o PCE suba 3,0% em comparação com os 3,2% registados em novembro.

O panorama sobre a inflação parece promissor, sobretudo ao analisarmos o desempenho da economia americana que tem conseguido crescer mais do que o esperado – afastando o cenário de recessão e aumentando a possibilidade de se atingir o tão desejado soft landing

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o Diretor de Programação da Rádio Ilhéu, sediada na Ilha de São Jorge. É também autor da rubrica 'Cronicas da Ilha e de Um Ilhéu' que é emitida em rádios locais, regionais e da diáspora desde 2015.