São Jorge perdeu cerca 900 pessoas entre 2010 e 2018 ficando assim...

São Jorge perdeu cerca 900 pessoas entre 2010 e 2018 ficando assim com menos força política a nível Regional, afirma Catarina Cabeceiras (c/áudio)

Na passada quarta-feira, na visita ao Centro Social e Paroquial de Santo Antão, a cabeça-de lista pelo CDS-PP da Ilha São Jorge Catarina Cabeceiras afirmou que o concelho da Calheta entre 2010 e 2018 perdeu cerca de 600 pessoas, São Jorge perdeu um total de 900 pessoas.

Segundo Catarina Cabeceiras o despovoamento veio trazer menos força política para a ilha a nível Regional. São Jorge perdeu assim um deputado passando de eleger quatro deputados de Ilha para três deputados desde 2016.

Para a cabeça de lista a questão do despovoamento é uma preocupação geral para o CDS-PP.