ÚLTIMAS

REGIÃO | Vasco Cordeiro: o Governo Regional do PS irá investir em mais creches nos Açores

235views

Vasco Cordeiro garantiu, esta segunda-feira, que “com um governo regional do PS haverá um investimento claro na criação de mais creches nos Açores.”

O candidato a Presidente do Governo Regional falava à saída de uma visita à creche ‘O Castelinho’, na cidade da Horta.

“Torna-se necessário investir na criação de novas creches, investir na criação de mais capacidade para evitar uma situação que já se verifica em algumas das nossas ilhas, de pais que têm de prescindir do seu emprego porque não têm ninguém, nem têm nenhuma estrutura de apoio onde deixar os seus filhos”, frisou o Presidente do PS/Açores.

Vasco Cordeiro assumiu o compromisso do Partido Socialista de “realizar esta aposta para o aumento da capacidade de creches” através de um “investimento na criação de novas valências e de novas disponibilidades”.

O socialista congratulou a decisão do Governo da República de atribuir creches gratuitas, considerando-a “importante e útil” e destacando que esta medida tem o seu financiamento “assegurado com verbas da Segurança Social que vêm da República”.

“Esta medida é boa, é útil, mas a Região tem de fazer a sua parte e investir em mais creches para acolher todas as crianças Açorianas, porque aquilo que se tem verificado por toda a Região é a existência de grandes listas de espera para a frequência destas valências”, sinalizou o candidato do PS a Presidente do Governo Regional.

“A falta de creches é uma das grandes necessidades que verificamos na nossa Região, na área social. É preciso aumentar a capacidade de creches nas nossas ilhas, de forma a poder apoiar os pais e incentivar a natalidade nos Açores”, acrescentou o Presidente do PS/Açores, Vasco Cordeiro.

PS/AÇORES/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o Diretor de Programação da Rádio Ilhéu, sediada na Ilha de São Jorge. É também autor da rubrica 'Cronicas da Ilha e de Um Ilhéu' que é emitida em rádios locais, regionais e da diáspora desde 2015.