REGIONAL

PICO | ‘Quinta da Lusofonia’ estreia com palavras de Saramago e a obra de Carlos Sousa

211views

A MiratecArts Galeria Costa é a propriedade sede da associação cultural MiratecArts, situada na freguesia da Candelária, na ilha do Pico. Mais de 2,6 hectares com arte na natureza que agora inaugura uma nova secção dedicada às letras.

Quinta da Lusofonia é um espaço de cerca de 800 metros quadrados dedicado às palavras, dos poetas e das poetisas de língua portuguesa, espalhados pelo mundo – desde os que já disseram o seu último adeus, até às novas gerações que por aqui passam. Palavras estas que serão embutidas na pedra basáltica vulcânica da ilha, ou através de instalações colocadas na pedra e no chão.

“A Quinta da Lusofonia incentiva sinergias entre vários artistas, desde as letras ao conceito visual, assim construindo-se uma exposição permanente, ao ar-livre, que dá as boas vindas a todos os que por aqui passarem,” explica Terry Costa, o fundador e diretor artístico da MiratecArts.

Carlos Sousa estreou a Quinta da Lusofonia, não só esculpindo numa pedra basáltica o nome do local, como adicionando as primeiras palavras à Quinta. Em celebração do centenário de José Saramago assim se deixou a instalação “nunca altura certo” com as palavras de um dos mais galardoados escritores portugueses, incluindo o Nobel.

Carlos Sousa nasceu em Viseu e estudou na ESAD.CR, nas Caldas da Rainha. Em palavras soltas, o artista descreve as suas obras como vírus, mutação, desenho, moléculas, movimento e natureza orgânica. “Retratos, paisagens, seres, vírus, ideias e pensamentos são executados em simbiose com a natureza e registam com imensa força aquilo que é representado,” expressa Carlos Sousa, que se fez acompanhar da sua família ao Azores Fringe Festival, incluindo os gémeos Rafael e Rodrigo, e sua esposa e parceira de aventuras Juliana Ferreira que, sendo artista, também adicionou obras na MiratecArts Galeria Costa.

A ideia da Quinta da Lusofonia foi primeiro apresentada nos Colóquios da Lusofonia em 2019. MiratecArts Galeria Costa é um quilómetro de arte entre a paisagem da cultura da vinha, arbustos e floresta até à zona costeira da ilha montanha mais alta de Portugal, Pico. O público é bem vindo a visitar por si próprios ou marcar uma visita guiada.

O Azores Fringe Festival encerra hoje, quinta-feira, 30 de junho, com o concerto e apresentação do primeiro trabalho discográfico de Wave Jazz Ensemble, às 21h30 no Auditório da Madalena.

MIRATECARTS/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o editor da Rádio Ilhéu.