ÚLTIMAS

AÇORES | Artur Lima saúda atualização salarial de 4,7% para trabalhadores da Base das Lajes

| Foto: VPGR
249views

O Vice-Presidente do Governo Regional dos Açores, Artur Lima, acompanhado pelo Diretor Regional dos Assuntos Europeus e Cooperação Externa, participou, na terça-feira, na 51.ª Comissão Bilateral Permanente (CBP) entre Portugal e os Estados Unidos da América (EUA), que se realizou em Washington.

Na agenda desta reunião foram abordados assuntos relacionados com a Base das Lajes, nomeadamente sobre as tabelas salariais da força laboral portuguesa, o processo de descontaminação de solos e aquíferos da Praia da Vitória e a cooperação estratégica em áreas emergentes como a ciência ou a tecnologia.

Na sequência da reunião, Artur Lima congratulou-se com a atualização salarial de 4,7% para todos os trabalhadores da Base das Lajes, a partir de julho, o que, por si só, já eleva a maioria dos escalões acima do salário mínimo regional.

Foi alcançado um acordo de princípio, a formalizar nas próximas semanas, para um novo alargamento do Fair Wage Supplement a mais graus e a mais escalões, de modo a abranger todas as situações que possam ainda subsistir, o que assegura, ainda, que as diuturnidades não sejam prejudicadas.

Contudo, o Vice-Presidente do Governo reiterou que é necessário discutir uma solução definitiva e estrutural para a questão das tabelas salariais, que garanta que todos os trabalhadores da Base das Lajes tenham uma remuneração digna, justa e sempre acima do salário mínimo regional.

Em relação ao processo de descontaminação dos solos e aquíferos da Praia da Vitória, Artur Lima saudou os trabalhos em curso no sítio 3001, voltando a insistir na necessidade de se prosseguir com esse tipo de ações e de monitorizar a qualidade das águas subterrâneas.

GRA/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o Diretor de Programação da Rádio Ilhéu, sediada na Ilha de São Jorge. É também autor da rubrica 'Cronicas da Ilha e de Um Ilhéu' que é emitida em rádios locais, regionais e da diáspora desde 2015.