REGIONAL

SÃO MIGUEL | SMAS investiram mais 5,6 milhões de euros em 2021 no saneamento básico do concelho de Ponta Delgada

126views

Os Serviços Municipalizados de Água e Saneamento (SMAS) de Ponta Delgada investiram em 2021, em todo o concelho, um valor global superior a 5,6 milhões de euros. Verba que abrange não apenas o saneamento básico, como também a melhoria do abastecimento de água e a substituição de condutas adutoras, entre outras.

No caso concreto do saneamento básico, com obras ainda a decorrer e outras cujos concursos já foram lançados, em várias freguesias do concelho, o investimento global é superior a 2,8 milhões de euros, enquanto o abastecimento de água e substituição de equipamento diverso ultrapassou os 2,7 milhões de euros.

Numa altura em que o saneamento básico, nas freguesias citadinas, atinge os 95% estando a Relva com uma cobertura de 100%, estão a decorrer os concursos públicos para finalizar os projetos respetivos do Calço da Furna e Bairro com o mesmo nome (Fajã de Baixo).

Também a Fajã de Cima tem uma cobertura de saneamento básico na ordem dos 100%, enquanto foram já adjudicadas as obras nas freguesias de Arrifes, Covoada, São Roque e Livramento.

Neste sentido, os SMAS prosseguem o seu trabalho com vista à cobertura total em termos de saneamento básico das 24 freguesias do concelho de Ponta Delgada.

O maior investimento dos SMAS em 2021 foi a obra de reabilitação das infraestruturas de saneamento básico na freguesia de Santo António, um investimento superior a 1,7 milhões de euros, ao que se seguiu a obra de execução do sistema elevatório de Santa Clara e da sua ligação à ETAR da Nordela, num montante superior a 1 milhão de euros, e a da Estrada Regional da Relva com a Rua da Guiné, orçada em cerca de meio milhão milhão de euros.

CMPD/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o editor da Rádio Ilhéu.