REGIONAL

PRAIA DA VITÓRIA | Município com orçamento na ordem dos 24,3 milhões de euros para 2022

229views

A autarquia praiense prevê um investimento na ordem dos 24,33 milhões de euros para o próximo ano, envolvendo o pagamento da dívida realizada e a continuidade dos projetos iniciados nos anos anteriores, bem como o aumento das verbas para as juntas de freguesia do concelho.

Do valor global referido, 69 mil euros são destinados a uma nova obra a implementar pelo atual executivo municipal na Canada do Saco, situada na freguesia do Cabo da Praia, com o objetivo de garantir sem limitações o acesso ao consumo básico de água a estes munícipes. Uma medida a implementar pela Praia Ambiente, E.M que visa regularizar uma problemática recorrente nos últimos anos neste local, contribuindo para a qualidade de vida da população.

O orçamento municipal prevê ainda um acréscimo de 70.979 euros às juntas de freguesia do concelho, em relação ao valor total da delegação de competências em 2021, o que corresponde para o ano de 2022, a um total de 145.695,61 euros. No que concerne à Cooperativa Praia Cultural (CPC), foi estipulado um aumento de 330 mil euros (2021) para 399 mil euros (2022), traduzindo-se em mais 69 mil euros, considerando a reestruturação financeira e internalização da dívida e património desta entidade.

Investimentos em curso

O atual executivo municipal dará continuidade a um conjunto de projetos implementados pelo anterior elenco camarário, nomeadamente o projeto Smart City; as intervenções em curso no Bar da Riviera e na Ciclovia da Marginal da Praia da Vitória; as obras no edifício dos Paços do Concelho (a executar em 2022); o Parque Empresarial das Lajes; a implementação das plataformas digitais que envolvem os serviços online e a aplicação móvel E-Praia.

Total da dívida municipal

O total do passivo da Câmara Municipal da Praia da Vitória (CMPV) é de 14.519.219,74 euros, de entre os quais 9.083.654,28 euros são dívida bancária. A soma total da dívida da CMPV, da empresa municipal Praia Ambiente e da CPC atinge os 35.173.377,70 euros. Segundo Vânia Ferreira, presidente da CMPV, “este é um orçamento que espelha a realidade financeira do município da Praia da Vitória. Entendemos, e por uma questão de estabilidade, dar continuidade a um conjunto de projetos já iniciados na anterior legislatura, embora tenhamos a noção de que alguns dos investimentos para 2022 possam ficar comprometidos pela herança municipal anterior. De qualquer forma, e apesar deste facto, trabalharemos com afinco para cumprir os investimentos a que nos propusemos”.

“Pretendemos reduzir o passivo, estamos unidos neste sentido. Naturalmente, existem compromissos que têm de ser cumpridos em prol da comunidade, contribuindo para a qualidade de vida de todos os praienses. E, igualmente, existem novos projetos que também marcarão a diferença junto da população e terão impacto no crescimento da Praia da Vitória enquanto concelho”, explicou a autarca.“

Gostaria de ressalvar ainda a importância dos valores de delegação de competências em 2022 para as juntas de freguesia, tido em atenção pelo atual executivo, considerando a importância do poder local. Em complemento, procederemos à avaliação de vias, das zonas balneares e espaços verdes, indo ao encontro das particularidades de cada freguesia”, adiantou a edil praiense.

“O nosso objetivo é garantir de forma transparente verbas mais justas e equitativas, espelhando aquela que é a nossa linha de ação enquanto executivo municipal”, afirmou a responsável municipal. Potenciar os recursos do Concelho, reforçar a promoção turística, valorizar o património municipal e cultural, reajustar o Plano Diretor Municipal e combater o impacto socioeconómico provocado pela pandemia são algumas das linhas orientadoras complementares previstas no próximo ano.

O orçamento municipal para o ano de 2022 foi aprovado em Assembleia Municipal, com 16 votos a favor, Partido Social Democrata (14) e CDS-Partido Popular (dois); e 15 abstenções, Partido Socialista (13) e Grupo de Cidadãos Eleitores “Esta é a Nossa Praia” (dois), na sessão ordinária que decorreu na passada segunda-feira,27, na Casa do Povo da Vila das Lajes.

CMPV/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o editor da Rádio Ilhéu.