ÚLTIMAS

Chumbo do Orçamento do Estado prejudica os Açores, afirma Berto Messias

890views

O Partido Socialista dos Açores lamentou, esta quarta-feira, o chumbo do Orçamento do Estado para 2022.

Em declarações à margem da votação do Orçamento do Estado para 2022, Berto Messias, membro do Secretariado Regional do PS/Açores, afirmou estarmos na presença de um Orçamento do Estado que era “bom para as famílias, que apoiava as empresas e que consolidava um caminho de opções políticas importantes”.

Na ocasião, e ressalvando que o chumbo ao documento apresentado na Assembleia da República levanta também um conjunto de problemas relativamente aos Açores, o Socialista alertou para o facto de este ser “um bom Orçamento do Estado para a Região e que com este chumbo fica em causa um conjunto de matérias que são fundamentais”.

“Refiro-me em concreto à questão das verbas para a comparticipação financeira dos prejuízos do furacão Lorenzo, ao pagamento das ligações inter-ilhas, as verbas afetas à Região no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência, entre muitas outras matérias”, lembrou o dirigente do PS.

De acordo com Berto Messias, e após a rejeição do Orçamento do Estado para 2022, “tudo isso fica em causa e esta é uma opção com a qual nós não concordamos e que lamentamos profundamente”.

De referir que a proposta de Orçamento do Estado para 2022 foi inviabilizada com os votos contra do PSD, Bloco de Esquerda, PCP, PEV, CDS, Iniciativa Liberal e Chega, contando ainda com a abstenção do PAN e das deputadas não inscritas, tendo somente o voto favorável do Partido Socialista.

PS/AÇORES/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o Diretor de Programação da Rádio Ilhéu, sediada na Ilha de São Jorge. É também autor da rubrica 'Cronicas da Ilha e de Um Ilhéu' que é emitida em rádios locais, regionais e da diáspora desde 2015.