ÚLTIMAS

ATUALIDADE | Vasco Cordeiro: Governo Regional do PS vai implementar projeto piloto de semana de 4 dias na administração pública regional dos Açores

287views

Vasco Cordeiro reiterou, esta segunda-feira, que o Governo Regional do PS que emergir das eleições do próximo dia 4 de fevereiro irá “implementar projeto piloto de semana de 4 dias na administração pública regional dos Açores”, uma medida prevista no Programa Eleitoral do PS, apresentado no passado dia 21 de janeiro, o primeiro dia desta campanha eleitoral.

O candidato do PS a Presidente do Governo Regional falava na ilha Terceira, perante uma multidão de apoiantes.

Vasco Cordeiro considerou que é “necessário respeitar e dignificar os funcionários públicos desta Região”, criticando as “campanhas de medo de que o PS vai cortar isto ou aquilo”.

“O Partido Socialista votou no Parlamento e honrará o final das quotas para a progressão de carreira na função pública. Utilizaremos o mecanismo de progressão com apenas 6 pontos, porque é isso que contribui para uma função pública, motivada, dignificada e pronta a servir os Açores e os Açorianos”, assegurou.

Centrando-se na ilha Terceira, Vasco Cordeiro considerou que “não é concebível, nem é aceitável”, que a ilha onde vive cerca de um quarto da população dos Açores, “não tenha merecido durante estes três anos um único investimento estruturante, uma única obra estruturante”, considerando que a ilha Terceira, à semelhança das outras ilhas da Região, “foi deixada para trás”.

Vasco Cordeiro criticou a coligação por “deixar ao completo abandono políticas e medidas que fixem a população jovem”, exemplificando com o Terceira Tech Island e o parque de ciência e tecnologia TERINOV, que foram “esquecidos durante estes três anos”.

O Presidente do PS/Açores defendeu uma aposta muito séria na Habitação, realçando que este desafio se vence “não com palavras, mas com atos” e “com capacidade de executar”.

Vasco Cordeiro realçou a necessidade de uma “atenção redobrada ao sector do Turismo e às acessibilidades aéreas”, sublinhando que a ilha Terceira, à semelhança de outras ilhas da nossa Região, “apresentou uma retração de dormidas entre novembro de 2023 e novembro de 2022” e que o governo da coligação “nada fez”.

Vasco Cordeiro defendeu que é “necessário retomar uma política de Saúde”, frisando que o Governo Regional do PS irá “valorizar os profissionais desta área” e “honrar os compromissos que foram assumidos”.

O candidato do PS quer também criar “condições para recuperar as listas de espera com maior rapidez”, procurando “resolver a situação das dívidas que se avolumam aos fornecedores do Serviço Regional de Saúde (SRS) e da falta de material clínico nos centros de saúde e nas unidades de saúde de ilha”.

O Presidente do PS/Açores defendeu “um novo rumo e uma estratégia” para o SRS, considerando que é “essencial um novo Plano Regional de Saúde” que o Governo da coligação “tanto apregoou e ao mesmo tempo abandonou”.

Vasco Cordeiro realçou que o PS se apresenta a estas eleições “não escondendo nenhum dos seus candidatos”, ao contrário da coligação, que “sente a necessidade de esconder aqueles que nela alinham, sabe-se lá se por vergonha, se por medo daquilo que eles podem dizer”.

“Esta coligação não se constitui apenas pelo PSD/CDS/PPM. Esta é uma coligação de quatro partidos, que inclui também o Chega”, destacou.

“Apelo a todos os Açorianos para que se mobilizem. Para que, no próximo domingo, dia 4 de fevereiro, com o voto no Partido Socialista, tenhamos uma grande vitória da liberdade, da democracia e do respeito face àqueles que querem, às escondidas, atacar esses valores”, finalizou o candidato do PS a Presidente do Governo Regional dos Açores, Vasco Cordeiro.

PS/AÇORES/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o Diretor de Programação da Rádio Ilhéu, sediada na Ilha de São Jorge. É também autor da rubrica 'Cronicas da Ilha e de Um Ilhéu' que é emitida em rádios locais, regionais e da diáspora desde 2015.