ÚLTIMAS

ATUALIDADE | Marca Açores valoriza o território e património das ilhas das Flores e do Corvo levando Chefs a explorar e enaltecer o melhor destes destinos através da Natureza

820views

Flores e Corvo vão acolher, entre os dias 18 e 21 de setembro, a iniciativa da Marca Açores que visa promover a valorização das ilhas enquanto destino turístico gastronómico através da riqueza do património local, com o enaltecer dos produtos, restauração e artesanato, principais intervenientes na tradução da expressão cultural e geográfica das ilhas. Este projeto reúne produtores e restauração local, e conta com a presença dos chefs Alexandre Silva (Fogo e Loco, 1* Michelin), David Jesus (Seiva) e Joel Vieira (Tasquinha do Vieira).

Com início hoje, até dia 21 de setembro, a Direção Regional de Empreendedorismo e Competitividade, através do Gabinete de Gestão e Promoção da Marca Açores, com o apoio da Visit Azores, convida os chefs nacionais a juntar-se à restauração e produtores locais das ilhas das Flores e do Corvo e a conhecer produtores e produtos emblemáticos ligados à identidade gastronómica e património local, bem como a vivenciar experiências imersivas pela essência, natureza e tradições regionais e, claro, partilhar conhecimento. Esta iniciativa visa conhecer, aprofundar e contribuir para uma maior e melhor oferta gastronómica, com vista à valorização da produção local e do território, e sua promoção enquanto destino turístico gastronómico.

Situadas no Grupo Ocidental dos Açores, as ilhas das Flores e do Corvo oferecem recantos naturais de suster a respiração, onde a aventura se combina com a tranquilidade e a terra e o mar se unem numa harmonia somente encontrada longe das multidões de turistas e do bulício da cidade. Com tradições únicas, por vezes, ainda pouco conhecidas fora destes territórios, a Direção Regional de Empreendedorismo e Competitividade, através do Gabinete de Gestão e Promoção da Marca Açores, promove este projeto que valoriza o que de melhor se encontra nestas duas ilhas, das paisagens naturais à gastronomia, passando pelos produtos emblemáticos como queijos, mel, frutas e legumes ou mesmo alojamento, roteiros turísticos e artesanato, de forma a destacar e celebrar os saberes e sabores “escondidos” destas ilhas.

Durante quatro dias, pretende-se promover a troca de experiências entre a restauração local e chefs convidados, possibilitando a partilha de conhecimento e técnicas que permitam aprofundar a abordagem dos intervenientes da restauração ao produto sazonal e endógeno, em especial os detentores do Selo Marca Açores.

Estarão presentes os chefs Joel Vieira (restaurante Tasquinha Vieira em São Miguel), Alexandre Silva (restaurantes LOCO* Michelin e FOGO, em Lisboa) e David Jesus (restaurante Seiva, em Leça da Palmeira), que vão explorar de forma inovadora o potencial do Corvo e, sobretudo, das Flores, junto da restauração com base nas experiências, visitas e contacto vivido in loco com a natureza e produtores locais de excelência. A partilha de experiências decorrerá em formato de encontros formativos com os representantes dos restaurantes inscritos, nos dias 20 e 21 de setembro, entre as 14:30 e as 16:30, na Aldeia da Cuada, estabelecimento aderentes à Marca Açores na ilha das Flores. A iniciativa termina no dia 21, quinta-feira, com um jantar de prova convívio no mesmo local.

“Esta é uma iniciativa que se insere no âmbito da Marca Açores, promovida pelo Governo dos Açores, que tem como objetivo valorizar o território através dos produtos, a sua diferenciação e serviços das ilhas açorianas, particularizando aqui as Flores e o Corvo. O projeto pretende enaltecer e promover os vários produtos gastronómicos com relação direta com o património local, valorizando os produtores e restauração da Região – os principais intervenientes na tradução da expressão cultural das ilhas -, e tendo como grande objetivo promover as ilhas enquanto destinos turístico gastronómicos”, refere Bruno Belo, Diretor Regional do Empreendedorismo e Competitividade, acrescentando “Este encontro vai promover uma troca de experiências entre cozinheiros locais e externos, permitindo a partilha de competências, conhecimentos e modus operandi que permitam aprofundar a técnica e a abordagem da restauração aos produtos locais, em especial aos detentores do selo Marca Açores e aos que pretendam candidatar-se”.

O respeito pelos produtos e gastronomia regionais são as duas principais motivações desta iniciativa, que promove as ilhas das Flores e do Corvo de forma a potenciar o panorama gastronómico local e colocar estas ilhas na rota de quem procura uma cozinha autêntica, de qualidade, e cheia de sabor. Esta ação visa também promover estas ilhas do Grupo Ocidental como destinos turísticos, cujas belezas naturais são os principais cartões-de-visita. Aqui é possível encontrar paisagens deslumbrantes, trilhos de caminhada, lagoas, cascatas ou pássaros raros que atraem todos os anos os apaixonados pela vida selvagem.

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o Diretor de Programação da Rádio Ilhéu, sediada na Ilha de São Jorge. É também autor da rubrica 'Cronicas da Ilha e de Um Ilhéu' que é emitida em rádios locais, regionais e da diáspora desde 2015.