ÚLTIMAS

ATUALIDADE | Cursos de português para falantes de outras línguas decorrem em três ilhas

© Governo dos Açores
574views

O Governo dos Açores inicia este mês quatro cursos de português para falantes de outras línguas destinados a cidadãos estrangeiros residentes nas ilhas de São Miguel, Terceira e Pico.

Os cursos são financiados pela Direção Regional das Comunidades, certificados pela Direção Regional da Educação e Administração Educativa e organizados pelo Gabinete de Apoio a Migrantes da CRESAÇOR e pela Associação dos Imigrantes nos Açores (AIPA).

A CRESAÇOR iniciou os seus dois cursos a 4 de setembro, em Ponta Delgada, nos regimes laboral e pós-laboral, enquanto a AIPA começou um curso no dia 6 em Angra do Heroísmo e arranca com o outro a 11 de setembro na Madalena do Pico.

Os cursos prolongam-se até dezembro, com a duração de 150 horas, e permitem aos seus participantes adquirirem a autorização de residência legal na Região Autónoma dos Açores relativamente ao requisito da língua portuguesa.

Os quatro cursos abrangem 71 formandos de 24 nacionalidades diferentes, sendo 22 dos Estados Unidos da América, 11 da Itália, seis da Alemanha, quatro da França, três da China, três da Colômbia, dois do Canadá, dois de Cuba, dois da Argélia, dois da Polónia e dois da Rússia.

Os outros países representados com um único formando são Holanda, Índia, Eslovénia, Guiné, Israel, Áustria, República Checa, Espanha, Noruega, Ucrânia, Indonésia e Senegal.

Nos dois cursos da ilha de São Miguel estão 22 mulheres e 18 homens, com idades compreendidas entre os 25 e os 77 anos, sendo que 22 possuem formação superior e 18 o ensino secundário ou profissional, encontrando-se 22 empregados, oito desempregados, nove reformados e um a estudar. Residem 27 no concelho de Ponta Delgada, sete no concelho da Ribeira Grande e seis no concelho da Lagoa.

Na ilha Terceira estão inscritos 11 mulheres e seis homens, dos 23 aos 73 anos, três com ensino secundário e 14 com ensino superior, sendo sete empregados, sete reformados, dois desempregados e um estudante, residentes nos concelhos de Angra do Heroísmo (13) e Praia da Vitória (quatro).

Na ilha do Pico estão inscritos seis mulheres e oito homens, dos 32 aos 74 anos, seis com ensino secundário e oito com ensino superior, sendo quatro empregados, oito reformados e dois desempregados, residentes nos concelhos de Madalena (oito) e São Roque (seis).

Esta semana, o Diretor Regional das Comunidades, José Andrade, presidiu à abertura dos dois cursos organizados pela CRESAÇOR em Ponta Delgada e assinou com a AIPA os contratos de financiamento para os cursos de Angra do Heroísmo e Madalena do Pico.

Ainda este ano serão promovidos mais dois cursos de português para falantes de outras línguas, na ilha do Faial, na sequência de uma candidatura apresentada pela Câmara Municipal da Horta à Direção Regional das Comunidades.

Nos últimos três anos, os cursos de português promovidos pelo Governo dos Açores aumentaram de dois para quatro e para seis, considerando o aumento da procura por parte de um número crescente de cidadãos estrangeiros residentes na Região.

GRA/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o Diretor de Programação da Rádio Ilhéu, sediada na Ilha de São Jorge. É também autor da rubrica 'Cronicas da Ilha e de Um Ilhéu' que é emitida em rádios locais, regionais e da diáspora desde 2015.