REGIONAL

ATUALIDADE | Bolieiro defende “visão reformista” para romper com “radicalismo do centralismo”

292views

O presidente do PSD/Açores, José Manuel Bolieiro, defendeu que é necessária uma “visão reformista” para romper com o “radicalismo do centralismo”, alegando que este causou as “assimetrias negativas” existentes no desenvolvimento de Portugal.

“O PSD deve assumir, com coragem, a rutura com aquilo que arruinou o país, que nos amarra a um passado e a um presente centralista. É precisa uma visão reformista contra a o radicalismo do centralismo, que sufoca a integralidade do país e é responsável pelas assimetrias negativas do nosso desenvolvimento”, afirmou José Manuel Bolieiro, no 39.º Congresso nacional do PSD, em Santa Maria da Feira.

O líder dos social-democratas açorianos defendeu também o reforço da autonomia política das regiões autónomas dos Açores e Madeira, lembrando que estas constituem um “sucesso” e que “são, foram e não podem deixar de ser um desígnio da democracia portuguesa”.

“Urge mais autonomia política, para melhor descentralizar o país e para melhor desenvolver Portugal”, considerou.

Segundo José Manuel Bolieiro, “é com autonomia política e a legitimidade democrática direta, que melhor servimos as nossas populações”.

“As regiões autónomas dos Açores e da Madeira são uma mais-valia para um Portugal de projeção atlântica. Não são a ultraperiferia. O futuro transforma um Portugal atlântico num país não periférico, mas sim com uma projeção atlântica e de centralidade planetária”, afirmou.

PSD/AÇORES/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o editor da Rádio Ilhéu.