INTERNACIONALNACIONAIS

XTB | Destaques da manhã, 23 de Janeiro de 2023

Analista da XTB, Henrique Tomé;
81views
  • Índices da Ásia-Pacífico estiveram a ser negociados em terreno positivo esta madrugada de segunda-feira, com o Nikkei a subir 1,4%, S&P/ASX a subir 0,1% e Nifty 50 a valorizar 0,6%. Contudo, as condições de liquidez foram reduzidas, uma vez que as bolsas na China, Coreia do Sul e Singapura estão encerradas devido a feriados;
  • No lado europeu, os índices estão a ser negociados de forma estável esta manhã;
  • Os futuros do índice dos EUA estão a ser negociados ligeiramente acima dos níveis de sexta-feira;
  • O Wall Street Journal avançou que existe a possibilidade de o Fed avançar com uma subida de 25 pontos base já na próxima reunião do dia 1 de Fevereiro de 2023, em vez de subir 50 pts como esperam os analistas;
  • Knot, do BCE disse que o BCE deverá continuar a aumentar as taxas de juros em 50 pts ao longo das próximas reuniões de Fevereiro e Março;
  • Rehn, também do BCE, referiu que o banco central europeu deverá continuar a aumentar as taxas de juros;
  • De acordo com as minutas da última reunião do Banco do Japão, um membro do BoJ disse que a decisão de alargar o range de negociações das yields de 0,25 para 0,50% era inadequada. No entanto, a decisão acabou por ser praticamente unânime;
  • O JPMorgan disse que o risco de recessão nos EUA caiu drasticamente;
  • As criptomoedas voltaram a subir durante o fim-de-semana. Esta segunda-feira, a Bitcoin está a subir 0,4%, Ethereum sobe cerca de 0,5% e a Dogecoin sobe mais de 2,4%;
  • O petróleo está a recuar perto de 0,4%, enquanto os preços do gás natural dos EUA sobem mais de 4,5%;
  • Os metais preciosos estão a recuar esta segunda-feira – ouro e platina caem 0,3% enquanto que a prata caem cerca de 0,4%;
  • EUR e CHF são as principais moedas com melhor desempenho, enquanto o JPY, USD e NZD são as moedas que mais recuam.

Os futuros do Nasdaq-100 (US100) estão a ser negociados de forma estável esta manhã. O índice voltou a recuperar no final da semana passada. Contudo, as notícias avançadas hoje pelo WSJ, em relação à possibilidade de o Fed começar a diminuir a subida dos juros, acabaram por não ter impacto no índice.

Neste momento o preço está a testar a zona de resistência marcada pelos níveis de Fibonacci nos 61,8%.

Fonte: xStation5

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o editor da Rádio Ilhéu.