NACIONAIS

Sistema de voto antecipado está preparado para um milhão e 200 mil eleitores

Ministra da Administração Interna, Francisca Van Dunem, e Secretário de Estado Adjunto e da Administração Interna, Antero Luís, numa declaração à comunicação social sobre voto antecipado, Lisboa, 10 janeiro 2022
84views

O sistema de voto antecipado em mobilidade nas legislativas está preparado para um milhão e 200 mil eleitores, através de 2.600 secções, que poderão ainda ser aumentadas.

Numa declaração à comunicação social, em Lisboa, após ter recebido os partidos com assento parlamentar, a Ministra da Administração Interna, Francisca Van Dunem, disse que o Governo quer «garantir que o maior número de pessoas possam votar antecipadamente», para prevenir situações de isolamento devido à Covid-19 na data das eleições, e esta modalidade de voto «provavelmente vai ser a grande tónica desta eleição».

O Secretário de Estado Adjunto e da Administração Interna, Antero Luís, por sua vez, disse que «a administração eleitoral, na sequência do agravamento da situação de pandemia, decidiu reforçar o voto antecipado em mobilidade» e que, «nesse sentido, passaram-se das 675 secções de voto que havia nas eleições presidenciais, num primeiro momento, para 1.300 e agora, num segundo momento, para 2.600».

«Significa isto que a administração eleitoral tem o voto antecipado preparado para um milhão e 200 mil portugueses, o que dá cerca de mais 20% daquilo que é a votação habitual em termos de legislativas. Para terem uma ideia, nas eleições presidenciais em voto antecipado em mobilidade 246.922 eleitores, o que significa que se passássemos para 1 milhão e 200 mil mais do que quintuplicávamos o número de votantes», afirmou.

Antero Luís reiterou que «o apelo que a administração eleitoral e que o Governo faz é que os portugueses se inscrevam no voto antecipado em mobilidade»:

«É fácil a inscrição, porque basta, por um lado, ir ao site www.votoantecipado.mai.gov.pt e inscrever-se, mas se não o fizer ou não tiver essa possibilidade basta um simples email ou uma carta para a administração eleitoral para ficar inscrito», salientou.

O Secretário de Estado disse ainda que «a administração eleitoral, se for necessário, ainda escalará esta dimensão» do voto antecipado em mobilidade, em função das inscrições, que serão feitas entre 16 e 20 de janeiro, sendo a votação no domingo dia 23.

P/GOV/PT/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o editor da Rádio Ilhéu.