REGIONAL

Pinturas, Cartazes, Fotografia e muito mais em exposição e para venda no Azores Fringe Online

78views

A oitava edição do Azores Fringe arranca sexta-feira 29 de maio, online, através das páginas do facebook da associação coordenadora: MiratecArts, e da página oficial da mostra: Azores Fringe Festival.

Exposições via álbuns online fazem parte da programação, assim como um álbum dedicado a vendas de trabalho de artistas açorianos. Instalações na MiratecArts Galeria Costa e vídeos de visitas a oficinas de artistas plásticos são mais alguns exemplos de como as artes plásticas fazem parte desta edição, que acontece na sua totalidade online para as audiências.

GALERIA * ARTE * AÇORES é um álbum que tem vindo a ser construído através da página do facebook da MiratecArts. Mais de 30 artistas, das 9 ilhas dos Açores, apresentam um trabalho cada, com o intuito de venda. Uma segunda peço só vai para o álbum se a primeira for adquirida nos dias do festival. “Aqueles que iam investir centenas de euros em férias, que agora estão canceladas” Terry Costa, o fundador do festival, incentiva “à compra de uma peça de arte açoriana e assim ajudar os nossos artistas.” Estilos e preços para todos os gostos estão disponíveis para serem acariciados numa nova casa.

“How-To Survive a Deadly Global Virus” é um projeto de cartazes que tem vindo a promover o festival. “Roupa íntima, legumes e sacolas podem ser usadas na luta contra o coronavírus” sugere o artista Max Siedentopf, designer alemão-namibiano, que criou uma série de imagens provocativas mostrando itens do quotidiano sendo usados como máscaras protetoras. A demanda global por máscaras cirúrgicas está a crescer, à medida que as pessoas tentam proteger-se contra o vírus. As propostas de Siedentopf não fornecem proteção eficaz contra o coronavírus, mas tem sido um projeto artístico a dar muito que falar nas redes sociais. O álbum agora pode ser visitado durante o festival na página do Azores Fringe Festival, a mesma página que, diariamente, destaca um artista açoriano e coloca uma peça de arte dos tempos da pandemia. E, ainda, na noite de abertura, estreia a exposição “Body Language” com trabalho dos fotógrafos açorianos Eduardo Branquinho, José Franco, Nuno Botelho, Paulo Jorge, Paulo Medeiros e Sérgio Botelho.

Vamos ao Fringe! 29 maio a 28 junho 2020 ONLINE #azoresfringefestival www.azoresfringe.com

FONTE: MIRATECARTS

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o editor da Rádio Ilhéu.