REGIONAL

O reforço do Serviço Regional de Saúde é a garantia mais eficaz de combate à pandemia.

184views

O PCP Açores tem acompanhado as decisões e medidas tomadas pelo Governo Regional dos Açores no âmbito da pandemia provocada pelo SARS-CoV2. As medidas preventivas e a alocação dos meios do Serviço Regional de Saúde (SRS), sendo indispensáveis para conter a contaminação e circunscrevê-la até ao seu controle, vieram tornar ainda mais visíveis algumas questões estruturais para as quais a nossa intervenção política tem alertado. Parece-nos agora ser o tempo de lançar um novo olhar sobre elas, e com coragem tomar as decisões que as resolvam, ou que pelo menos minimizem os seus efeitos negativos através de oportunas soluções políticas.

O PCP defende a necessidade de reforçar o Serviço Regional de Saúde com os meios humanos e financeiros adequados para que as respostas sejam eficazes e possam melhorar a sua capacidade. O SRS tem respondido de forma pronta e adequada à pandemia, mas os seus meios foram insuficientes para garantir o seu funcionamento regular no acompanhamento de outras patologias. O PCP defende que não basta definir medidas de contenção da pandemia. É necessário fazer mais e melhor, nomeadamente na definição de um plano alargado de vacinação articulado com as Unidades de Saúde de cada ilha, definindo as prioridades e tornando-as de conhecimento publico.
O PCP defende um conjunto de medidas para o Serviço Regional de Saúde que passamos a enumerar:

– reforço das transferências da região;
– a mobilização e modernização da capacidade de diagnóstico e terapêutica instalada;
– a recuperação de todos os atos clínicos que ficaram em suspenso ou foram adiados;
– o alargamento do número de camas de cuidados continuados e paliativos;
– manutenção de uma reserva de equipamentos de proteção individual para os profissionais de saúde;
– aumento do número de testes e testes serológicos;
– reforço dos meios humanos, técnicos e profissionais na área da saúde pública, em particular o dos profissionais de saúde.

O PCP irá continuar a defender um Serviço Regional de Saúde universal, geral e de qualidade.

PCP/AÇORES/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o editor da Rádio Ilhéu.