NACIONAIS

LISBOA | “Somos oposição, mas conseguimos intervir na vida das pessoas, através dos nossos autarcas”

199views

Luís Montenegro saudou a “estratégia da Câmara Municipal de Lisboa” para os transportes e mobilidade na capital, nomeadamente a medida, já em vigor, que garante o passe gratuito nos transportes públicos aos residentes com mais de 65 anos.

“Quero associar-me a esta estratégia para a Câmara Municipal de Lisboa”, afirmou. O Presidente do PSD considera esta solução “extraordinariamente positiva do ponto de vista ambiental” e, por isso, felicitou pessoalmente e enalteceu o “trabalho do engenheiro Carlos Moedas” na Câmara de Lisboa.

Luís Montenegro referiu que permitir o acesso a transportes e mobilidade às pessoas é uma forma de intervir positivamente na vida das pessoas. O Presidente do PSD considerou que “apesar de sermos, do ponto de vista nacional, oposição, conseguimos também intervir na vida das pessoas, através dos nossos autarcas, aqueles que no terreno e no território nos representam”.

Sobre o aeroporto de Lisboa, Luís Montenegro não reconhece autoridade política ao ministro das Infraestruturas, a quem acusa de tentativa para “deturpar a verdade dos factos”, mas o PSD irá manter o “diálogo com recato” com o Primeiro-Ministro.

“[Pedro Nuno Santos] tem andado desorientado, não acerta uma. Eu não sei se está em sintonia com o Primeiro-Ministro. O ministro das Infraestruturas deve preocupar-se com a governação. Não reconheço autoridade ao ministro das Infraestruturas, porque não sei se está em sintonia com o Primeiro-Ministro”, afirmou.

Para o Presidente do PSD, é sob o Governo que recai o ónus da decisão do aeroporto. “Quem vai decidir o que fazer ao concurso público é o Governo. Quem vai decidir a localização é o Governo”, explicou.

PSD/NOTICIAS/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o editor da Rádio Ilhéu.