NACIONAIS

ATUALIDADE | Portugal envia equipa multidisciplinar de peritos para a Ucrânia

Ministra da Justiça assinala Dia Mundial da Justiça Internacional, agradecendo o apoio da Polícia Judiciária e do Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses
250views

Portugal vai enviar para a Ucrânia, através da área governativa da Justiça, equipas de peritos do Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses (INMLCF) e da Polícia Judiciária (PJ).

A Unidade de Intervenção Forense em Catástrofes do INMLCF está pronta para enviar para a Ucrânia uma equipa de seis elementos, que inclui médico e técnicos.

A equipa multidisciplinar da PJ é constituída por cinco peritos, integrando coordenação, investigadores, peritos forenses e analistas de informação. Pode ainda vir a ser complementada com outros investigadores, para as diferentes áreas de trabalho policial.

«São equipas que, dada a complementaridade das respetivas competências, têm experiência e mérito comprovados no trabalho conjunto», destaca a Ministra da Justiça, Catarina Sarmento e Castro, numa mensagem em vídeo que assinala o Dia Mundial da Justiça Internacional.

Ao INMLCF compete assegurar, de acordo com as boas práticas internacionais, a intervenção em termos de Patologia Forense, Antropologia, Odontologia Forense ou Identificação Genética, entre outros.

Ao Laboratório de Polícia Científica da PJ, compete garantir, por exemplo, a gestão dos cenários, a recolha e o tratamento de imagem criminalística, o recurso ao geo-radar e a intervenção de arqueologia forense, ou ainda a perícia ao nível das impressões digitais e da Genética Criminalística, e a participação na ação de estabelecer a identidade das vítimas.

O objetivo é que as duas equipas de peritos ajudem na resposta «o mais rápida e rigorosa possível», a situações em fase de inquérito na Ucrânia, relacionadas com o contexto de crimes de guerra.

P/GOV/PT/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o editor da Rádio Ilhéu.