REGIONAL

AÇORES- Reforço da capacidade disponível em lares de idosos já permitiu criar mais 123 camas, afirma Andreia Cardoso (c/aúdio)

108views

A Secretária Regional da Solidariedade Social destacou hoje, em Ponta Delgada, o empenho do Governo dos Açores no reforço da capacidade disponível em lares de idosos, que, nesta legislatura, já permitiu criar mais 123 camas um pouco por todas as ilhas.

“É motivo de satisfação verificar que, em parceria com as Instituições Particulares de Solidariedade Social, estamos a cumprir o objetivo de aumentar o número de vagas em lares e, desta forma, a melhorar o serviço que é prestado aos nossos idosos nesta resposta específica”, destacou Andreia Cardoso.

A governante falava na cerimónia de inauguração das residências assistidas do Lar Luís Soares de Sousa, que permitiu um reforço de 16 camas na atual estrutura residencial para idosos, num investimento do Executivo açoriano superior a 220 mil euros.

“Este investimento só foi possível porque o Governo dos Açores e esta instituição partilham uma visão e uma missão comum: servir os Açorianos cada vez melhor”, disse.

A Secretária Regional destacou o investimento que foi feito ao nível da criação de novas vagas em respostas sociais dirigidas a idosos, especificamente na ilha de S. Miguel.

“Para além desta ampliação que hoje aqui inauguramos, que permitirá a criação de mais 16 vagas, foram rentabilizadas várias estruturas residenciais, vendo assim reforçadas as capacidades da Santa Casa da Misericórdia da Lagoa, do Lar do Pico da Pedra e do Lar de Rabo de Peixe”, salientou.

Andreia Cardoso acrescentou que, muito em breve, “estaremos em condições de inaugurar o Centro Intergeracional dos Arrifes, com capacidade para 30 idosos em lar, mais 30 em Centro de Dia, assim como teremos ainda mais 16 vagas resultantes da intervenção a decorrer no Lar da Levada, da Santa Casa da Misericórdia de Ponta Delgada”.

A Secretária Regional referiu ainda o procedimento para criar 25 vagas de Cuidados Continuados na Santa Casa da Misericórdia de Ponta Delgada, a iniciar em breve, assim como o lar de idosos e centro de dia que o Governo dos Açores pretende apoiar no Centro Intergeracional de Vila Franca do Campo.

Na área das pessoas idosas, destacou ainda o apoio prestado às instituições através das formações destinadas aos cuidadores formais, a criação do Estatuto do Cuidador Informal, que vai permitir aos que pretendem manter no conforto das suas casas os mais idosos, e as atualizações efetuadas ao Serviço de Apoio Domiciliário.

“É com esta ação determinada na implementação das políticas sociais que o Governo dos Açores dá um sinal evidente de que, apesar de todos os desafios, assume como prioridade a resposta às solicitações que se colocam aos poderes públicos e às comunidades, face a um novo enquadramento social”, disse Andreia Cardoso.

GaCS/AIC/RÁDIOILHÉU

Mauricio De Jesus
Maurício de Jesus é o editor da Rádio Ilhéu.